segunda-feira, 23 de setembro de 2013

"Jogos estão cada mais difíceis de fazer e caros", diz Mark Rubin

Fonte da imagem: Reprodução/GameInformer
Em entrevista em vídeo para o site GameInformer, um dos diretores-executivos da Infinity Ward (responsável por Call of Duty: Ghosts), Mark Rubin, confessou que subestimou o atual período de transição entre gerações. Segundo ele, a grande dificuldade se deve em boa parte à grande quantidade de versões para diferentes consoles, mas principalmente devido ao fato de programar para a geração atual ser muito complexo e obrigar a refazer o jogo do zero.
Rubin diz se assustar com isso, pois os jogos estão cada vez mais difíceis de fazer e mais caros de produzir. Como consequência disso, ele afirma imaginar que empresas menores devem encontrar dificuldades para desenvolver títulos AAA: como as pessoas querem gráficos cada vez melhores e mais realistas, o preço sobe muito e pode tornar inviável o desenvolvimento. Tal fato é lastimável, segundo ele, pois tudo o que eles querem é produzir novos games.
Quando perguntado sobre outras empresas tentarem perseguir o sucesso de CoD com jogos similares, Rubin diz que isso o incomoda um pouco. Segundo ele, ignorando a parte de mercado, os desenvolvedores deveriam fazer o que eles tiverem vontade de fazer, aquilo em que mais têm habilidade. Logo, por exemplo, ele afirma que não tentaria produzir um MMO aos moldes de World of Warcraft só por que o game faz sucesso.
Fonte: GameInformer

Nenhum comentário:

Postar um comentário